ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicado em 11/10/2016 às 00:00:00 - Atualizado em 11/10/2016 ás 00:00:00

 

O DESESPERO TOMA CONTA DO OUTRO LADO, AFIRMA ELIAS EMANUEL


Estou vendo que o desespero tomou conta do outro lado

 

O líder do governo na Câmara Municipal de Manaus (CMM), Elias Emanuel (PSDB), utilizou a tribuna durante o pequeno expediente dessa segunda-feira (10) para desmentir boatos espalhados contra a Prefeitura da cidade. Segundo o vereador, isso seria uma medida de desespero dos adversários políticos.

 

“Estou vendo que o desespero tomou conta do outro lado. Depois do que foi noticiado na noite do último domingo (09), sobre a forma com que vem sendo gasto o dinheiro da saúde do Estado, em orgias e shows sertanejos. Existe um desejo frenético de encontrarem uma similaridade no campo da prefeitura de Manaus mas na base do achismo”.

 

O parlamentar defendeu a atual gestão e comprovou que Artur Neto vem se pautando pelo respeito e moralidade ao recordar os contratos com a Consladel, que foi rompido assim que suspeitas de fraude e corrupção sobre a empresa surgiram. Ele destacou também a suspensão dos serviços com a empresa de Davi Flores, preso na operação ‘Maus Caminhos’.

 

“A menor centelha de suspeitas sobre o senhor Flores, na prestação de serviços na prefeitura de Manaus e o contrato das empresas dele foi rescindido. Nós não vemos o porquê de tanto desespero. Será que quando a casa cai lá, ela precisa automaticamente cair aqui?”, disse Emanuel.

 

O líder falou ainda sobre a aliança com o PMDB, que na opinião dele foi a mais acertada. “Optamos certo, senão quem estaria dando explicações hoje para o povo de Manaus sobre a ‘Maus Caminhos’ que encontrou uma instituição que nos últimos anos ganhou o dobro do orçamento do hospital 28 de Agosto, explicando porque no pátio da superintendência da Polícia Federal tem uma frota de carros milionários? Há na oposição uma vontade insaciável de enlamear a prefeitura de Manaus”.

 

O parlamentar concluiu seu discurso afirmando que a atual gestão encerra seu ciclo sem escândalos e que por isso, não tem como associar a prefeitura de Manaus a esse mar de lama de corrupção que frequentemente vem sendo noticiado em todos os jornais.

 

Com Informação da Assessoria

Publicidade