ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicado em 08/11/2016 às 00:00:00 - Atualizado em 08/11/2016 ás 00:00:00

 

Emissão de Laudo Caracterizado de Deficiência leva mais de 100 pessoas à Clínica no Japiim


Ao todo foram disponibilizadas 80 vagas

 

Neste sábado(5), o Centro de Saúde Ocupacional(CSO), realizou a segunda edição do mutirão da inclusão,  que visa emitir Laudo Caracterizador de Deficiência a pessoas que necessitam do documento para serem inseridas no mercado de trabalho. Ao todo foram disponibilizadas 80 vagas, mas devido à demanda o número ultrapassou a meta para 138, superando a expectativa de atendimento.

 

Segundo o Dr. Cleverson Redivo, médico do trabalho e mentor da ação, a finalidade do projeto é de desburocratizar o atendimento e ajudar a população a adquirir o laudo em menos tempo. “ Nosso objetivo é realmente ajudar a quem precisa, é transformar a palavra cidadania em ação. Como médico reconheço a necessidade deste tipo de atendimento e acredito que podemos fazer muito mais. Tudo isso requer apenas uma dose de  boa vontade, disposição e amor ao próximo”. Declarou o médico.

 

A industriaria Ivanete Pereira, tenho um filho surdo, que também possui deficiência visual, ela  nos fala da dificuldades enfrentada  para  ter acesso ao documento . “ Não é fácil conseguir o laudo, estou há seis meses aguardo agendamento para consultar o meu filho, e até agora não obtive nenhuma resposta, mas hoje graças a Deus e a esta ação, estou saindo daqui com o documento em mãos, e agora meu filho vai conseguir o emprego que ele tanto sonha.” Desabafou a mãe.

 

Após 13h de atendimento, o médico descreve que o mutirão foi um sucesso e nos fala das próximas atividades. “ Hoje tivemos a oportunidade  de atender uma demanda superior ao número de vagas disponibilizadas, isso nos deu um parâmetro da necessidade da população. Para Dezembro já estamos programando uma nova ação com uma logística bem maior que esta, e esperamos mais uma vez superar a meta de atendimentos”. Frisou o médico.

Com Informação da Assessoria

Neste sábado(5), o Centro de Saúde Ocupacional(CSO), realizou a segunda edição do mutirão da inclusão,  que visa emitir Laudo Caracterizador de Deficiência a pessoas que necessitam do documento para serem inseridas no mercado de trabalho. Ao todo foram disponibilizadas 80 vagas, mas devido à demanda o número ultrapassou a meta para 138, superando a expectativa de atendimento.

 

Segundo o Dr. Cleverson Redivo, médico do trabalho e mentor da ação, a finalidade do projeto é de desburocratizar o atendimento e ajudar a população a adquirir o laudo em menos tempo. “ Nosso objetivo é realmente ajudar a quem precisa, é transformar a palavra cidadania em ação. Como médico reconheço a necessidade deste tipo de atendimento e acredito que podemos fazer muito mais. Tudo isso requer apenas uma dose de  boa vontade, disposição e amor ao próximo”. Declarou o médico.

 

A industriaria Ivanete Pereira, tenho um filho surdo, que também possui deficiência visual, ela  nos fala da dificuldades enfrentada  para  ter acesso ao documento . “ Não é fácil conseguir o laudo, estou há seis meses aguardo agendamento para consultar o meu filho, e até agora não obtive nenhuma resposta, mas hoje graças a Deus e a esta ação, estou saindo daqui com o documento em mãos, e agora meu filho vai conseguir o emprego que ele tanto sonha.” Desabafou a mãe.

 

Após 13h de atendimento, o médico descreve que o mutirão foi um sucesso e nos fala das próximas atividades. “ Hoje tivemos a oportunidade  de atender uma demanda superior ao número de vagas disponibilizadas, isso nos deu um parâmetro da necessidade da população. Para Dezembro já estamos programando uma nova ação com uma logística bem maior que esta, e esperamos mais uma vez superar a meta de atendimentos”. Frisou o médico.

 

Com Informação da Assessoria



Publicidade