ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicado em 29/11/2016 às 00:00:00 - Atualizado em 29/11/2016 ás 00:00:00

 

Restaurante de R$ 970 por prato é multado por ‘falta de higiene’


Vistoria encontrou fungos e alimentos mal refrigerados no Geranium, o primeiro local da Dinamarca a receber três estrelas no Guia Michelin

 

Jantar em um restaurante europeu sofisticado, recomendado pelo mais famoso guia e com um menu caríssimo é sinônimo de higiene e qualidade, certo? Nem tanto.

 

O Geranium, que foi o primeiro da Dinamarca a receber três estrelas no Guia Michelin (melhor avaliação possível), cobra uma bagatela de 2.000 coroas (970 reais) por uma refeição (e sem bebidas).

 

 problema é que, segundo o jornal The Guardian, durante uma vistoria, agentes da autoridade de segurança alimentar do país encontraram frutos do mar e crustáceos armazenados em locais muito quentes e por longos períodos.

 

E mais: duas geladeiras estavam com “manchas pretas, verdes e brancas crescendo nas prateleiras e no alho em conserva”, segundo a publicação.

 

Pela ‘falta de higiene’, o local foi multado em 20.000 coroas dinamarquesas (cerca de 9,7 mil reais) pelo governo, de acordo com a publicação.

 

O chef do Geranium, Rasmus Kofoed, não gostou muito da multa, mas admitiu alguns erros.

 

Ele afirmou a uma agência de notícias que o relatório foi muito exagerado, mas admitiu que há algumas partes do processo onde o restaurante possa ter sido um pouco desatento, segundo o The Guardian.

 

VEJA.COM

 

Publicidade