ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicado em 16/12/2016 às 00:00:00 - Atualizado em 16/12/2016 ás 00:00:00

 

Governo do Amazonas lança oficialmente o aplicativo ‘Matrícula Amazonas’ para agilizar as matrículas para o ano letivo 2017


A cerimônia de lançamento do aplicativo aconteceu na sede do Governo do Estado

 

Em uma ação inovadora, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), lançou na manhã desta sexta-feira (16), o aplicativo “Matrículas Amazonas”, ferramenta disponível para smartphones (iOS e Android) que facilitará, de forma prática e eficiente, o procedimento de matrículas para o ano letivo de 2017. 

 

A cerimônia de lançamento do aplicativo aconteceu na sede do Governo do Estado, no bairro da Compensa, Zona Oeste de Manaus e contou com a presença do governador do Amazonas, José Melo; do secretário de Estado de Educação e Qualidade do Ensino, Algemiro Ferreira Lima; do subsecretário municipal de Educação, Luís Fabian Barbosa; e do diretor-presidente da Empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam), Márcio Silva de Lima.

 

“O aplicativo é o fim definitivo das filas e vai agilizar o processo, que já é ótimo, pois o site funciona muito bem. Mas o aplicativo é um aperfeiçoamento do serviço. Agradeço ao governador José Melo e à Prodam pelo empenho”, ressaltou o titular da SEDUC, Algemiro Lima.

 

O aplicativo, desenvolvido pela Prodam, a pedido da SEDUC, é uma estratégia do Governo do Amazonas para agilizar o atendimento à população que, nos próximos meses, estará à procura de uma vaga nas escolas da rede pública estadual ou da rede pública municipal, administradas pela Prefeitura de Manaus por meio da Semed.

 

A ferramenta terá as mesmas funcionalidades do site www.matriculas.am.gov.br, portal já utilizado pela SEDUC e Semed para otimizar o processo das matrículas e evitar filas. O aplicativo, assim como o portal de matrículas, permitirá à população a realização de procedimentos como a reserva de vaga, a transferência de alunos que já fazem parte da rede pública e o cadastro de novos alunos que desejam ingressar em uma das redes de ensino.

 

De acordo com o Governador do Estado, José Melo, o aplicativo é uma ferramenta que garantirá maior agilidade no procedimento de matrículas, beneficiando a população. “O Amazonas já vem, nos últimos três anos, aprimorando os sistemas que possam permitir que, na época das matrículas, os alunos e pais tenham o conforto de fazer a matrícula sem precisar ficar nas filas. Chegamos a um ponto de aprimoramento quase que perfeito, que é esse aplicativo que estamos lançando hoje, que vai facilitar muito esse procedimento. Essa é uma parceria do Governo e da Prefeitura para facilitar a vida da população”, afirmou o governador.  

 

Números

 

Para o ano de 2017, o Governo do Amazonas e a Prefeitura de Manaus ofertarão 183.647 vagas em escolas da rede pública de ensino.  Do total de vagas ofertadas, 136.830 serão disponibilizadas pela SEDUC em suas escolas estaduais e 46.817 pela Semed. Das vagas para a rede estadual, 65.573 são destinadas às escolas da capital e 71.257 para as unidades de ensino do interior do Estado.  As aulas do ano letivo de 2017 terão início no dia 6 de fevereiro para a rede estadual e 3 de fevereiro para a rede municipal de Manaus.

 

Sobre o aplicativo

 

De acordo com a Prodam, o aplicativo “Matrícula Amazonas”, estará disponível a partir desta sexta-feira (16), na Google Play Store, loja virtual para os celulares smartphones do sistema Android, e a partir da primeira semana do mês de janeiro de 2017, a expectativa é que os usuários da plataforma iOS também passem a contar com a novidade.

 

Por meio do aplicativo, o usuário também poderá ter acesso ao calendário de matrículas e transferências, além de consultar as vagas disponíveis. De acordo com o analista de TI da Prodam, Marcelo Pereira, a criação da tecnologia foi motivada pela quantidade de acessos via dispositivos móveis para a realização das matrículas para o ano letivo deste ano. “Registramos que quase a metade dos acessos foram realizados via smartphones e tablets”, informou.

 

Com o objetivo de aumentar ainda mais a capacidade do site www.matriculas.am.gov.br, para que mais uma vez a população tenha tranquilidade para a realização das matrículas, a equipe da Prodam ficou responsável também por fazer alterações essenciais, deixando a navegabilidade do site mais atraente e intuitiva.

 

Em 2016, por meio do atendimento no site, o Sistema Integrado de Gestão Educacional do Amazonas (Sigeam), registrou o aumento de 819,61% nos atendimentos online. No período de 11 a 27 de janeiro deste ano, foram registradas 176.477 solicitações de vagas das quais 103.852 foram feitas via internet. No ano anterior, foram realizadas 157.793 requisições, sendo que apenas 11.293 foram feitas via internet.

 

Do total de atendimentos para as matrículas realizadas neste ano, ao todo, 98.454 foram para a rede estadual de ensino. Mais de 57.500 delas foram realizadas via internet, o que representa 1.014,44% a mais do que no ano passado. A rede municipal também registrou aumento significativo, cerca de 655,70% a mais que em 2015.

 

Comparadas ao ano passado, as solicitações de matrículas presenciais caíram em 50,43%, ou seja, 72.625 pais e responsáveis que não necessitam mais ir de madrugada para a porta das escolas, tomar sol e chuva, a fim de garantir uma vaga para os filhos. E a expectativa é que em 2017 este número sofra uma queda ainda maior.

 

O aplicativo “Matrículas Amazonas”, segundo o diretor-presidente da PRODAM, Márcio Silva da Lira, trará uma série de vantagens para os pais, alunos e toda a população que procurar uma vaga. “O aplicativo beneficiará o cidadão com comodidade, praticidade, economia de tempo e dinheiro e celeridade na hora de realizar o procedimento de matrículas. O Governo e a Prefeitura, por sua vez, também têm a ganhar em economia e transparência”, explicou. 

 

Atendimento via web e presencial

 

Por meio do portal de matrículas, www.matriculas.am.gov.br ou pelo aplicativo, a população poderá: realizar o cadastro do aluno; solicitar a reserva da vaga; solicitar a transferência de escola (para aluno que já é da rede pública estadual ou municipal de Manaus); consultar o calendário de matrículas; visualizar disponibilidade de vagas por escola; entre outros serviços.

 

É importante ressaltar que o atendimento via portal ou aplicativo garantirá APENAS A RESERVA DE VAGA. Para confirmar a matrícula, os pais ou responsáveis deverão, obrigatoriamente, comparecer à escola onde obteve a vaga, em até 3 dias úteis, com a documentação necessária, para efetivar a matrícula.

 

Para o atendimento presencial em Manaus, serão disponibilizados 722 locais de atendimento, sendo 230 escolas da SEDUC e 492 escolas da rede municipal. No interior, serão 364 locais de atendimento (somente em escolas da rede estadual). O atendimento acontecerá no horário de 8h às 17h.

 

Atendimento a alunos da rede estadual e municipal de Manaus

 

Para os alunos que já fazem parte da rede estadual ou municipal, segundo o secretário de Estado de Educação e Qualidade do Ensino, Algemiro Ferreira Lima, a população deverá ficar atenta aos prazos previstos no cronograma de matrículas.

 

A rematrícula (confirmação de matrícula do aluno que estudou na escola até o término do ano letivo de 2016) será no período de 19 a 29 de dezembro de 2016. Já o período para o reordenamento (encaminhamento de alunos de escolas sem continuidade de ensino para outra escola, garantido a continuidade de ensino do estudante), acontecerá entre os dias 5 e 6 de janeiro de 2017.

 

A transferência para alunos de todos os níveis de ensino da rede estadual ou municipal que desejam trocar de escola terá início no dia 7 de janeiro de 2017.

 

Novos Alunos

 

O atendimento a novos alunos, aqueles que estão entrando na rede estadual ou municipal, iniciará no dia 13 de janeiro de 2017. A partir desta data, os pais ou responsáveis já poderão garantir a reserva de vaga, lembrando que esse procedimento tem validade de três dias úteis. Caso não haja confirmação de matrícula neste período, a vaga estará novamente disponível no sistema.

 

Documentos necessários para a matrícula

 

No ato da matrícula, os pais ou responsáveis pelos estudantes deverão comparecer à escola em que obteve a vaga e apresentar os seguintes documentos: comprovante de escolaridade original – guia de transferência ou histórico escolar ou ainda a declaração de transferência com validade de 30 dias; certidão de nascimento (original e cópia); CPF e RG (original e cópia) do responsável pelo aluno menor de idade, obrigatório para os alunos do ensino médio e para os alunos maiores de 18 anos de qualquer ensino; cópia do comprovante de residência (fatura de água, energia elétrica ou de telefone do último mês que anteceder a matrícula); cópia do cartão de vacinação; duas fotos 3×4 recentes; original e cópia do documento de identificação (com foto) do responsável pela matrícula.

 

Cronograma

 

Rematrícula – 19 a 29 de dezembro de 2016

Reordenamento – 5 e 6 de janeiro de 2017

Transferência – a partir do dia 7 de janeiro de 2017

Atendimento a novos alunos – a partir do dia 13 de janeiro de 2017

 

Fotos: Eduardo Cavalcante/SEDUC

Com Informação da Assessoria



Publicidade